You are here
Home > Opinião > Sobre os rolezinhos e a relação entre direitos e deveres

Sobre os rolezinhos e a relação entre direitos e deveres

Sobre os Rolezinhos, honestamente eu não vejo como segregação racial ou classista (até porque os shoppings estão revistando praticamente todos os jovens), mas como uma resposta dos shoppings contra um comportamento inadequado. Uma quebra de conduta que deve sim ser punida com perda de DIREITO.

Em essência o que está em jogo é uma das questões mais importantes que o Brasil precisa discutir hoje…. A ciência que TODOS OS DIREITOS ESTÃO VINCULADOS A DEVERES.

Todos temos o DIREITO de freqüentar um shopping (sempre tivemos), mas temos o DEVER de nos comportar de acordo com as normas de conduta esperadas para o local, para não ferir o DIREITO de terceiros. Um simples vínculo entre DIREITO e DEVER. Em uma sociedade civilizada, quando não cumprimos os DEVERES perdemos os DIREITOS, e foi isso que aconteceu no caso em questão.

Os tais “jovens de periferia” foram expulsos das praças pois estavam ferindo os DIREITOS de terceiros (também de periferia) ao não cumprirem com seu DEVER de respeitar os horários e limites de ruído para zonas residenciais. Curiosamente ninguém se queixou disso (afinal não era conflito de classes e no Brasil da hipocrisia é isso que importa, jogar uma classe contra a outra).

Buscaram uma “alternativa” nos Shoppings, outro local inadequado para este tipo de reunião. Outro lugar que possui suas próprias normas de conduta que todos conhecem e são respeitadas por milhares de pessoas, inclusive de periferia. Novamente, desrespeitaram os DIREITOS de terceiros ao não cumprirem seus DEVERES como cidadãos.

Assim como fizeram nas praças, estes jovens ultrapassaram o limite do DIREITO do próximo e por isso desencadearam um mecanismo que, infelizmente, ataca todos os jovens com o mesmo peso (pois diferente do que tem sido pregado na mídia de esquerda a revista dos shoppings está atingindo todos os jovens).
Acho importante esta discussão, porque acredito que este seja um dos maiores problemas da sociedade brasileira hoje. Enfatizou-se tanto os DIREITOS que se esqueceram dos DEVERES, do respeito às normas de conduta social, do respeito ao próximo e do vínculo direto entre DIREITOS e DEVERES.

Está na hora de voltarmos a ter um país de DEVERES, onde seu DIREITO existe de verdade, mas apenas e tão somente quando seus DEVERES para com a sociedade são cumpridos.

Leonardo Augusto Amaral Terra
Leonardo Augusto Amaral Terra
Mestre e Doutor em ciências pelo programa de Administração de Organizações da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto, na Universidade de São Paulo (FEARP - USP). Possui MBA executivo em Gerenciamento de Projetos pela Fundação Getúlio Vargas e Graduação em Administração de Empresas pela FEARP - USP. Atua como professor, pesquisador e consultor na área de estratégia e desenvolvimento organizacional, explorando os princípios que regem os sistemas socioeconômicos por meio da matemática do caos e da epistemologia sistêmica e suas aplicações no processo estratégico e nas interações sistêmicas das organizações. Vencedor do West Churchman Memorial Prize em 2014.
http://lattes.cnpq.br/3022429953017645
Top