You are here
Home > Ciência > 28 medicamentos naturais, cientificamente comprovados

28 medicamentos naturais, cientificamente comprovados

Todos sabem de minha luta pela divulgação científica e para o uso da ciência como pilar de nossas decisões. Neste sentido, hoje me deparei com algo que não tem relação específica com minha área de atuação, mas que remete a muito do meu desejo de ver a ciência ser propagada, em detrimento das crenças e da pseudociência que dominam o cotidiano da maioria dos brasileiros. Um trabalho muito interessante (e que merece elogio enquanto serviço público), desenvolvido pela ANVISA.

Hoje, são muitas as pessoas que buscam as soluções naturais, como alternativa para o tratamentos de doenças crônicas e agudas. Entretanto, na maioria das vezes os tratamentos naturais mais populares são desprovidos do devido amparo científico ou pior, podem até ser maléficos para certas pessoas que podem vivenciar efeitos colaterais indesejados ao consumir determinadas plantas. Antes de qualquer tratamento é preciso levar em consideração se há estudos que confirmem seus efeitos e riscos, visto que muitos dos tratamentos caseiros mais populares não apresentam eficácia e muitas vezes apresentam até mesmo riscos.

Pensando nisso, a ANVISA desenvolveu um belíssimo trabalho de compilação, listando os principais medicamentos fitoterápicos, cujos estudos científicos amparam seus efeitos e riscos. Trata-se de uma apostila contendo 28 ervas, com efeitos cientificamente comprovados e riscos ao paciente, devidamente mensurados. Um bom guia, efetivamente científico, para aqueles que preferem as soluções naturais em detrimento das drogas sintéticas.  Voltado a orientar médicos, farmacêuticos e usuários acerca das qualidades e riscos de cada uma dessas plantas.

Quem quiser conhecer o trabalho, basta clicar aqui para baixar e conhecer uma série de alternativas naturais de tratamento, amparadas pela ciência. Lembrando que mesmo que opte por uma solução natural, não deixe de procurar seu médico, pois ele tem condições de diagnosticar corretamente seu caso (diagnóstico é um processo complexo que também demanda embasamento científico) e indicar o tratamento correto para cada caso.

Leonardo Augusto Amaral Terra
Leonardo Augusto Amaral Terra
Mestre e Doutor em ciências pelo programa de Administração de Organizações da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto, na Universidade de São Paulo (FEARP - USP). Possui MBA executivo em Gerenciamento de Projetos pela Fundação Getúlio Vargas e Graduação em Administração de Empresas pela FEARP - USP. Atua como professor, pesquisador e consultor na área de estratégia e desenvolvimento organizacional, explorando os princípios que regem os sistemas socioeconômicos por meio da matemática do caos e da epistemologia sistêmica e suas aplicações no processo estratégico e nas interações sistêmicas das organizações. Vencedor do West Churchman Memorial Prize em 2014.
http://lattes.cnpq.br/3022429953017645

Deixe uma resposta

Top